FETRACOM | Fetracom - Federação dos Trabalhadores no Comércio nos Estados de Goiás e Tocantins

Notícias

Notícias Filiados

Centrais sindicais defendem tributação de fortunas para bancar auxílio de R$ 600

Publicado em : 20/10/2021

Fonte : O Popular -

As centrais sindicais se uniram nesta quarta-feira (20) para reiterar o posicionamento em defesa de um auxílio de R$ 600, depois que o Palácio do Planalto recuou do anúncio do novo Bolsa Família de R$ 400 na terça (19).

CUT, Força Sindical, UGT, CTB (Central de Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil), NCST (Nova Central Sindical de Trabalhadores) e outras assinaram uma carta conjunta pedindo proteção da população e combate à fome.

"Propomos que o Congresso trate com urgência máxima a ampliação da cobertura da proteção de renda através do Bolsa Família", diz o texto.

A ideia é que a renda alcance os R$ 600, chegando a R$ 1.200 em casos de mães chefes de família. As centrais defendem que o financiamento seja feito a partir de tributação sobre fortunas, altas rendas, lucros e dividendos.

Para Ricardo Patah, presidente da UGT, a situação em que a fome chegou no Brasil justifica o aumento no valor.

"Na nossa visão, tem tanta gente passando fome, desalentada e na miséria. Independentemente dos procedimentos de teto de gastos, o auxílio emergencial de R$ 600 seria o ideal. O povo está passando fome. E os R$ 600 não só tirariam da miséria milhões de pessoas como fariam a economia rodar", afirma Patah.





Goiás tem mais de 12 mil na fila do INSS

Goiás tem mais de 12 mil na fila do INSS

 29/11/2021

 O Popular

A fila da aposentadoria aumentou no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) com as interrupções no atendimento devido às medidas adotadas durante a pandemia de Covid-19. Em Goiás, segundo dados do governo federal, havia até quinta-feira (25) um total de [...]






Valor da cesta básica tem alta de 9,72% em Goiânia

Valor da cesta básica tem alta de 9,72% em Goiânia

 11/11/2021

 O Popular

O valor da cesta básica em Goiânia passou de R$518,77 para R$569,17 neste mês, uma elevação de 9,72%. É o que aponta pesquisa do Procon Goiânia, divulgada nesta quarta-feira (10). Para realizar o levantamento foram analisados os preços de [...]



Por que o custo de vida continua subindo tanto?

Por que o custo de vida continua subindo tanto?

 04/11/2021

 Hoje Centro Sul

Nos últimos tempos, praticamente todas as pessoas que vão ao supermercado já se assustaram com o valor a ser pago. Ao comprar gás de cozinha, a situação se repete, e nos postos de combustíveis também. Mas, por que o custo de vida tem [...]