FETRACOM | Fetracom - Federação dos Trabalhadores no Comércio nos Estados de Goiás e Tocantins

Notícias

Notícias Fetracom

Vacinas contra H1N1 chegarão a Goiás nesta quarta-feira (11), diz ministro da Saúde

Publicado em : 10/04/2018

Fonte : O Popular -

O ministro da Saúde, Gilberto Occhi, afirmou em vídeo publicado em uma rede social, na tarde desta segunda-feira (9), que as vacinas contra os vírus Influenza A/H1N1 e H3N2 chegarão a Goiás na próxima quarta-feira (11). Ao lado do ministro das Cidades, Alexandre Baldy, ele diz que, nesta data, as doses serão entregues à Secretaria Estadual de Saúde (SES) e, a partir de então, serão distribuídas aos municípios.

O anúncio confirma a antecipação da campanha de vacinação contra a influenza na rede pública, marcada para o dia 23 deste mês. Essa será a segunda mudança no calendário. Inicialmente, a campanha estava prevista para o dia 16 de abril, mas acabou adiada pela SES por conta de atraso informado pelo próprio ministério.

De acordo com Occhi, o primeiro lote de vacinas que chegará ao Estado conterá 650 mil unidades. Ao todo, 1,7 milhão de doses serão destinadas a Goiás. A quantidade, diz ele, suprirá a demanda local. “Isso é suficiente, e ainda com uma margem, para que se possa, efetivamente, vacinar todo o público-alvo”, explica.

No vídeo, o ministro da Saúde pontua como integrantes deste público-alvo, crianças de até 5 anos, idosos acima de 60 anos, profissionais da área da Saúde e grávidas. Após a vacinação deste grupo de risco, deve restar 20% da quantidade total, segundo estima ele, que será destinada à população em geral.

Em nota, o Ministério da Saúde (MS) confirmou a informação divulgada por Occhi.

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Saúde (SES) de Goiás, a antecipação do envio das vacinas ainda não foi oficializado pelo MS e demais informações sobre o assunto devem ser divulgadas nesta terça-feira (10), em coletiva de imprensa. 




No Brasil, mãe recebe até 40% menos

No Brasil, mãe recebe até 40% menos

 11/12/2018

 Estado de São Paulo

Além das distorções salariais em relação aos homens, as mulheres enfrentam um outro desafio no mercado de trabalho - quanto mais filhos elas têm, menor é o salário que elas ganham. A diferença não é pequena, uma [...]


Desocupação no Brasil subiu para 12,5% entre 2015 e 2017

Desocupação no Brasil subiu para 12,5% entre 2015 e 2017

 05/12/2018

 Agência Brasil

A taxa de desocupação no Brasil, que era de 6,9%, subiu para 12,5% entre 2014 e 2017, o que significa 6,2 milhões de pessoas desocupadas a mais no período, com crescimento em todas as regiões e em todos os grupos etários. O trabalho informal chegou a [...]









Profissionais precisam ser cada vez mais digitais

Profissionais precisam ser cada vez mais digitais

 19/11/2018

 Folha de Londrina

O lápis apoiado sobre a orelha e um bloco para anotar os pedidos nas mãos. Foi assim que Rosenbergue Bueno, 64 anos, começou a trabalhar como balconista em uma loja de material de construção em 1974, em Londrina. A experiência adquirida ao longo de [...]