FETRACOM | Fetracom - Federação dos Trabalhadores no Comércio nos Estados de Goiás e Tocantins

Notícias

Notícias Fetracom

Desemprego sobe para 13,3% no 2º trimestre, com queda recorde no total de ocupados

Publicado em : 06/08/2020

Fonte : Estadão -

A taxa de desocupação subiu para 13,3% no segundo trimestre de 2020, ante 12,2% no perído de janeiro a março, informou nesta quinta-feira, 6, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No segundo trimestre de 2019, a taxa estava em 12%.

Segundo os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua), o número de pessoas ocupadas no Brasil teve redução recorde de 9,6% no trimestre encerrado em junho, frente ao trimestre anterior: a queda foi de 8,9 milhões de ocupados. O número de desocupados ficou estável em 12,8 milhões.

O resultado ficou pouco acima da mediana das estimativas das instituições financeiras ouvidas pelo Projeções Broadcast, de 13,2%, com as projeções indo de 13,0% a 14,0%.

Com o tombo esperado para a atividade econômica, é unânime entre os analistas a avaliação de que a taxa de desemprego deve atingir seu maior nível da série histórica em 2020. As projeções para a média do ano vão de 12,7% a 15,03% - o recorde foi registrado em 2017, quando a taxa ficou em 12,7%.

O total de pessoas ocupadas na categoria alojamento e alimentação caiu 25,2%. 

O afrouxamento das medidas de distanciamento social nas principais cidades do País também é um fator que deve impulsionar a taxa, segundo os analistas. Impedidas de circular, cerca de 6,5 milhões de pessoas deixaram a força de trabalho - o contingente de pessoas que trabalha ou busca emprego - desde o primeiro trimestre, segundo o IBGE. Caso elas voltem a procurar trabalho, vão elevar o resultado final.

"A volta das pessoas para a força de trabalho, por um lado, e a continuidade das demissões, por outro, devem continuar pressionando pela piora dessa taxa", resume o economista João Leal, da Rio Bravo Investimentos.

Ele também menciona os números da Pnad-Covid, que mostraram elevação da taxa de desemprego de 11,4% na semana encerrada no dia 30 de maio para 13,1% no período até 27 de junho. "Não são diretamente comparáveis, mas mostra que existe uma tendência de alta nessa taxa", pontua.



Artigo: Emprego, o debate inadiável

Artigo: Emprego, o debate inadiável

 14/09/2020

 Estadão

A pandemia agravou um problema já estrutural na economia brasileira: a falta de emprego. No final do ano passado, a sociedade somava 11,6 milhões de desocupados. Agora, a taxa subiu para 13,3%, atingindo 12,8 milhões de pessoas, segundo dados da Pnad Contínua [...]


Brasileiros buscam espaço no mercado de beleza dos EUA

Brasileiros buscam espaço no mercado de beleza dos EUA

 14/09/2020

 O Popular

A tecnóloga em comércio exterior Mara Pessoni notou que existe boa oportunidade para brasileiros no mercado norte-americano de beleza e estética ao passar pela aflição de não ser atendida em Los Angeles, Califórnia, apesar de ter agendado [...]



Comércio cresce 5,2% em julho e encosta em recorde de 2014

Comércio cresce 5,2% em julho e encosta em recorde de 2014

 11/09/2020

 Folha Press

O comércio brasileiro manteve em julho o vigor registrado nos dois meses anteriores, fechando o mês com alta de 5,2% nas vendas, informou nesta quinta (10) o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Foi o maior crescimento para o mês desde o [...]





Semana do Brasil será termômetro para varejo

Semana do Brasil será termômetro para varejo

 03/09/2020

 O Popular

A Semana do Brasil começa hoje e promete dez dias seguidos de promoções no comércio. Uma iniciativa nacional que está apenas no segundo ano, mas servirá de termômetro para o varejo em meio à pandemia de coronavírus. Ela antecede [...]




Concessionárias em Goiânia passa

Concessionárias em Goiânia passa

 01/09/2020

 O Popular

As concessionárias ficaram fechadas por três meses por conta da pandemia de coronavírus. Mas, quando reabriram, em Goiânia, passaram a lidar com fila de espera por veículos. Situação que ocorre desde junho. Demanda reprimida combinada com o fato [...]



Home office é novo indicador de desigualdade econômica

Home office é novo indicador de desigualdade econômica

 31/08/2020

 Folha Press

O trabalho remoto, também conhecido pelo termo em inglês home office, ganhou escala no Brasil, de forma forçada, como alternativa para deter o contágio na pandemia da Covid-19. Passados quase seis meses desde a sua disseminação entre as empresas [...]